Receita de bolo de banana com cacau

Você acha difícil agradar o paladar das crianças com alimentos saudáveis? A convite da MOOUI, a Fernanda Fontoura, do Comidinhas de Diana, trouxe nesse post uma receita de bolo de banana com cacau, que além de ser uma opção ótima para a saúde é uma delícia!

Read More

O que fazer em Paris com crianças

O que fazer em Paris com crianças

Resolvemos viajar com as meninas para Nova York e Paris (veja as dicas sobre Nova York no Post 1 e Post 2).  E agora continuamos a saga da viagem maravilhosa, desta vez rumo à Paris!

O objetivo da nossa viagem foi visitar a feira Maison & Objet (de decoração), então ficamos bem em função deste programa.  Para piorar a situação, nós não tivemos sorte com o tempo…  Pegamos chuva todos os dias, então deixamos de fazer muitas coisas que eu havia planejado.  Mas seguem aqui minhas principais dicas de passeios com crianças em Paris:

– Torre Eiffel

– Disneyland Paris

– Louvre

– Jardim de Luxemburgo

– Passeio pelo Sena

Já me perguntaram se as meninas curtiram mais Nova York ou Paris.  De coração, eu senti que elas amaram as duas cidades!  Acho que a chave do sucesso para viajar com crianças é viajar no tempo delas e para elas.  Buscamos fazer somente programas que elas curtissem, sempre tentando conciliar um parque ou parquinho na programação e flexibilidade total para se adaptar ao humor delas.

Chegando em Paris

Chegamos e fomos direto ao hotel.  Desta vez o quarto já estava liberado, então demos banho nas meninas e descansamos um pouco, pois estávamos a 6 horas a mais de fuso.   Deixamos as meninas darem uma dormida rápida, suficiente para recuperarem a energia mas sem desregular o sono da noite.  O hotel onde nos hospedamos é muito bem localizado, perto da Galeria Lafayette, Ópera Garnier e próximo a várias galerias cobertas de Paris (que também é uma ótima dica passeio!).

Torre Eiffel

Com certeza, o primeiro destino a ser visitado em Paris seria a torre Eiffel, pelo fascínio que a Laurinha já cultivava pelo ícone da cidade.

LAURITCHA + TORRE

Chegamos pela estação TROCADÉRO, do outro lado do Sena, com vista total e desobstruída da torre.  Tampamos os olhinhos dela e só a deixamos abrir quando estávamos de frente para a torre.  A reação dela foi a mais fofa: ficou paralisada, olhando e contemplando aquela torre gigante bem ali na frente dela!

Mesmo sem comprar os ingressos com antecedência, arriscamos entrar para ver como estava a fila, e demos sorte!  Esperamos menos de 15 minutos.  Compramos para subir até o topo, mas o tempo virou para chuva e como havia uma fila para pegar o elevador ao ultimo andar nos contentamos com as vistas do segundo piso.

Voltamos à TROCADÉRO no último dia de viagem, desta vez à noite para despedir da torre iluminada.

Recomendações: compre os ingressos pelo site oficial com pelo menos 20 dias de antecedência para garantir disponibilidade, pois as filas podem chegar a 4 horas de espera.  É muito mais impactante chegar à torre pelo lado oposto do Sena, então recomendo descer na estação de metro TROCADÉRO.  E não deixe de visitar a torre à noite.  É de tirar o fôlego!

Um pouquinho de história: sabia que a torre foi construída em 1889 como arco de entrada para Exposição Universal, que foi construída para ser uma estrutura temporária e que quase foi demolida? Leia outras curiosidades aqui.

Disneyland Paris

Sabe aqueles loucos pela Disney?  Presente!  AMO e não tive dúvida ao incluir o parque ao nosso circuito.  Compramos os ingressos com antecedência pela metade do preço no site oficial da Disney.

Existe uma linha de trem que sai de algumas estações de Paris e acaba dentro do complexo do parque.  O preço do bilhete é por volta de 9 euros por pessoa, cada trecho.  A viagem dura em torno de uns 40 minutos.

Visitamos apenas o Disneyland Park (tem também o Walt Disney Studios Park), pois infelizmente estávamos com os dias contatos.

O que achei deste parque?  Uma versão melhorada e evoluída do Magic Kingdom de Orlando.  O castelo do parque é da Aurora – princesa favorita da Laura -, assistimos à valsa das princesas, e passeamos pelo Labirinto da Alice! Um encanto!

Louvre

Resolvemos não entrar no Louvre pelos simples fato da Laurinha e Rebeca ainda não entenderem nada das principais obras do museu e por ser um museu muito lotado.  Mas Laurinha curte o desenho da Ladybug então passamos na frente da pirâmide para ela reconhecer o lugar! Passeio rápido, mas legal.  Estava chovendo então não conseguimos fazer muita coisa, mas ao lado do Louvre tem o Jardim das Tulherias, que tem parquinho, roda gigante e carrossel.  Quem foi, comenta aqui em baixo que queremos saber!

Jardim de Luxemburgo

Construído em 1611 o Jardim de Luxemburgo é um dos queridinhos dos franceses.  Seu grande charme é lago central do parque, mas as atrações não param por aí.  Tem a linda fonte Medici, teatro de fantoches, pomar, restaurantes, quadras esportivas, passeios de pônei no verão e, o mais importante, um impressionante parquinho!  O parquinho é dividido por faixa etária, como o de Nova York, e tem até tirolesa.

erin-travelingcircus.blogspot.com.br

Passeio pelo Sena

Para relaxar com as crianças e realmente respirar a alma parisiense nada melhor que um passeio a pé pelas ruas.  Começamos a caminhada no Jardim de Luxemburgo e fomos parar no Marais (bairro do 3º e 4º arrondissement).  No caminho passamos pela Notre Dame, cruzamos a Île Saint-Louis, andamos pelos famosos Quais de Paris (margem do rio Sena) até chegarmos no carrossel da Rue de Rivoli, em frente ao metro Saint-Paul.

O carrossel novamente foi um sucesso (risos) e as meninas acabaram indo 2 vezes!

O que achou?

Espero que tenham gostado do post.  Deixamos de fazer muita coisa devido ao curto tempo, mas queremos ouvir mais dicas de passeios nesta cidade linda!  Deixe suas dicas nos comentários!

Deixe seu comentário ↓

Outros Posts

Leave a Comment

Leave A Comment Your email address will not be published