Dia dos pais em dose dupla

Dia dos pais em dose dupla

Hoje vamos contar uma história super emocionante de Dia dos pais em dose dupla! Vocês lembram do quartinho da Manu filha de Pablo Sanábio e Marcelo Nascimento? Os pais contaram pra gente como foi todo o processo de adoção e de como é ser pai em dose dupla.

Todo o processo levou 2 anos e 1 dia, exatamente. Depois que eles entraram na lista de espera do Cadastro Nacional de Adoção, apesar de o perfil indicado por eles serem bem amplo, mesmo assim a espera foi grande.

Emocionado, Marcelo nos conta que quando recebeu a ligação da assistente social ele nem acreditou. Logo ligou para o Pablo, que estava em gravação e só atendeu depois de 8 chamadas.

Da ligação da assistente social até a ida para a casa, foi tudo no mesmo dia. Como não tinham ainda um quarto preparado pois não sabiam se era menina, menino, idade, foi toda uma correria. Mas naquele momento só importava a chegada daquele encontro.

“Quando a gente a viu pela primeira vez, eu falei para ela: ‘Caramba, quanto tempo a gente demorou para se encontrar’, conta Pablo.

Como o telefonema da assistente social foi de repente, a rede de apoio foi fundamental. Eles ajudaram com dicas, roupinhas, mas no final tudo deu certo.

Já fez 1 ano e dois meses que eles estão com a Manu, que complementa a família e traz muitas alegrias. O que ajudou tudo isso foi o apoio da família e amigos, com muito carinho.

Finalmente depois desse tempo eles tiveram tempo para organizar um quarto com calma.  Com efeito nós entramos com aquele cafofo maravilhoso que tivemos o maior prazer em prepará-lo!

E aí, gostou desse Dia dos pais em dose dupla?

Deixe seu comentário ↓

Outros Posts

Leave a Comment

Leave A Comment Your email address will not be published